Estrutura e Atribuições da TIC

A Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) é parte estratégica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC) para o cumprimento de sua missão de promover a inclusão e formar cidadãos, por meio da educação profissional, científica e tecnológica, gerando, difundindo e aplicando conhecimento e inovação, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico e cultural.

Por sua importância estratégica da Governança de Tecnologia da Informação e Comunicação (GTIC) do IFSC será de responsabilidade do Comitê de Tecnologia da Informação, composto pela alta administração, áreas de negócio e áreas técnicas de TIC.

A estrutura de Tecnologia de Informação e Comunicação é composta dela Diretoria de Tecnologia de Informação e Comunicação na Reitoria e pelas Coordenadorias de Tecnologia da Informação e Comunicação dos Campus.



 À Coordenadoria de Governança de TI compete:

  • Promover a adoção de padrões e a implementação de processos que garantam o alinhamento estratégico entre TIC e as áreas de negócio do IFSC;
  • Gerenciar o portfólio de projetos das áreas de Infraestrutura e Sistemas;
  • Coordenar a elaboração/atualização do PETIC e PDTIC;
  • Elaborar políticas, normas e planos de governança e gestão de TIC;
  • Incentivar a elaboração de políticas, planos e normas relacionadas à segurança de TIC;
  • Mapear e modelar os processos de TIC em conjunto com as demais coordenadorias da DTIC;
  • Adequar processos de TIC às conformidades Legais;
  • Manter atualizadas as informações de TIC nos portais institucionais.

Competências dos Setores de TIC diante à Governança de TIC

 

À Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação compete:

  • Propor políticas, planos e normas de governança ao CGTIC;
  • Promover políticas, planos e normas de segurança da informação;
  • Propor objetivos estratégicos de TIC em alinhamento ao Plano Estratégico Institucional;
  • Implantar instrumento de medição, avaliação e direção dos objetivos estratégicos de TIC;
  • Propor o Plano Diretor de Tecnologia da Informação e Comunicação;
  • Promover a transparência nas aquisições de bens e serviços de TIC;
  • Implantar ferramentas de gestão que aprimorem a governança de TIC.

 

Ao Departamento de Sistemas compete:

  • Utilizar as melhores práticas para gerenciamento de mudanças;
  • Manter banco de conhecimento dos sistemas de informação;
  • Mapear os processos de sua área e mantê-los atualizados de acordo com as diretrizes da CGovTIC;
  • Planejar e desenvolver soluções de TIC com foco no aluno;
  • Repassar a CGovTIC informações sobre sistemas de TIC novos ou descontinuados com o objetivo de manter atualizados o portfólio de sistemas de TIC.

 

À coordenadoria de Infraestrutura de Redes:

  • Utilizar as melhores práticas para gerenciamento de serviços;
  • Manter banco de conhecimento dos serviços de infraestrutura de redes;
  • Mapear os processos de sua área e mantê-los atualizados de acordo com as diretrizes da CGovTIC;
  • Implantar serviços de infraestrutura de redes que contemplem os objetivos estratégicos de TIC;
  • Repassar a CGovTIC informações sobre serviços de TIC novos ou descontinuados com o objetivo de manter atualizados o portfólio de serviços de TIC;
  • Elaborar os planos relacionados a gestão dos dados institucionais.

 

Às Coordenadorias de TIC compete:

  • Prestar assessoramento técnico ao Câmpus na definição e implementação de atividades, programas e projetos de comunicação e segurança de dados;
  • Auxiliar a DTIC na elaboração das políticas, planos e normas de governança de TIC atendendo as demandas solicitadas;
  • Utilizar as melhores práticas para gerenciamento de serviços;
  • Manter banco de conhecimento dos serviços disponíveis a comunidade do Câmpus;
  • Mapear os processos de sua área e mantê-los atualizados de acordo com as diretrizes da CGovTIC;
  • Repassar a CGovTIC informações sobre serviços de TIC novos ou descontinuados com o objetivo de manter atualizados o portfólio de serviços de TIC.
  • Compartilhar o conhecimento adquirido em capacitações custeadas pelo fundo de TI em reuniões do Fórum de TIC ou quando solicitado pela DTIC para assessoramento técnico em projetos do PDTIC;
  • Indicar representantes para composição de grupos de trabalho quando demandada pela DTIC através do Fórum de TIC.